fbpx

Como escrever uma CARTA DE MOTIVAÇÃO para Mestrado, Doutorado ou Bolsa de estudos.

 É frequente que as universidades portuguesas solicitem carta de motivação como parte da candidatura a uma graduação ou pós-graduação (mestrado ou doutorado). 

Para a candidatara a bolsa de estudos a carta é obrigatória e pode ser a diferença entre o sucesso e o fracasso.

A Carta de Motivação é o documento mais personalizado da candidatura – uma chance única de apresentar aos avaliadores quem você é além do seu currículo e do seu histórico acadêmico. É uma chance de oferecer informações relevantes e interessantes sobre sua trajetória e provar que é a pessoa certa e mais motivada entre os candidatos concorrentes.

É necessário escrever uma carta que seja concisa, objetiva e convincente no seu propósito de “vender-se”.  Este é um modelo campeão; Gustavo Torres, de 17 anos, foi aprovado em cinco universidades de excelência dos Estados Unidos: Columbia, Duke, Harvard, MIT e Stanford. VEJA AQUI a tradução da carta de motivação apresentada por ele.

Não vale copiar a carta de alguém. Conte a sua história e motivações com habilidades e sonhos que são só seus.

Seguem alguns pontos fundamentais a serem considerados;

1-   Pesquise sobre a instituição universitária e sobre o programa que você deseja. Em geral, no site do curso podem ser encontrados os pré-requisitos e quais são as expectativas sobre os candidatos.

Outra informação relevante é a filosofia da universidade, isso vai ajudá-lo a saber quais aspectos da sua trajetória devem ser destacados.

2-   Seja conciso. Sintetize suas ideias e dê destaque aos pontos principais.

– Comece escrevendo os pontos importantes da sua trajetória e sua personalidade. 

– Deixe claro seu objetivo logo de início e ofereça um resumo do que vem no restante da carta.

– Por que você acha que esta universidade e este curso são interessantes e apropriados para você?

– Quais são seus pontos fortes? Seus diferenciais? Quais suas qualificações mais importantes para o programa?

– Como o curso vai ajudá-lo a chegar ao seu objetivo?

– Ao concluir, reforce o seu interesse na instituição e no curso e agradeça a oportunidade de apresentar a sua candidatura.

3-   Lembre-se que é um documento pessoal, e espera-se que você consiga demonstrar sua qualidade, habilidades e qualificações que o diferenciam dos outros candidatos para participar do programa.

Não são buscados super-heróis, mas sim uma pessoa coesa, objetiva e realista.

4-   A apresentação deve ser de acordo com o curso a que se candidata. Quanto mais ligado à área de criatividade, mais liberdade você terá na hora de se expressar e apresentar.

Leve em conta que o tamanho da fonte deve ser legível; que os parágrafos não estejam pequenos e nem grandes demais; que não existam erros gramaticais; traduza as abreviações por extenso; mantenha a carta esteja dentro do limite de caracteres. Veja aqui um Contador de caracteres.

Uma boa Carta de Motivação terá sucesso se o candidato estiver verdadeiramente interessado e disposto a gastar tempo e reflexão na sua apresentação. Sucesso!  https://emportugalconsultoria.com.br

VEJA TAMBÉM

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
×