fbpx

Qual a diferença entre pós-graduação lato sensu e stricto sensu?

          

           Você terminou sua graduação e deseja continuar seus estudos. Aí bate aquela dúvida, o que fazer como pós-graduação, um mestrado, um MBA, uma especialização?

            Para lhe ajudar a decidir, descrevemos abaixo os cursos e como se enquadram na linguagem acadêmica;

            Em primeiro lugar precisamos entender que as formações posteriores à graduação (licenciatura aqui em Portugal), podem ser de lato sensu ou stricto sensu;

            As pós-graduações lato sensu compreendem programas de especialização e incluem os cursos designados como MBA (Master Business Administration). Com duração mínima de 360 horas, ao final do curso o aluno obterá certificado e não diploma.

Especialização

       Com uma orientação técnico-profissional, uma Especialização irá aprofundar os seus conhecimentos na área em que você se formou, direcionando sua Graduação. Normalmente, opta por uma Especialização quem é recém-formado e a duração média é de um ano. No final, você recebe um certificado de Especialista.

MBA

       O famoso MBA é, na realidade, uma Especialização direcionada para uma área específica: Negócios e Administração – Master in Business & Administration. Quem fizer um MBA, encontrará um curso com forte conexão profissional, indicado para aqueles que já estão inseridos no mercado de trabalho – em alguns países, um dos requisitos de admissão é mesmo experiência laboral.

            As pós-graduações stricto sensu compreendem programas de mestrados acadêmicos e profissionais e doutorados abertos a candidatos diplomados em cursos superiores de graduação e que atendam às exigências das instituições de ensino e ao edital de seleção dos alunos. Ao final do curso o aluno obterá diploma.

Mestrado

            Diferente de uma Especialização, o Mestrado serve não tanto para aprofundar conhecimentos em uma área, mas para dar continuidade e prolongar o estudo já iniciado na Graduação. Em certos casos, parte-se do pressuposto que você já está inteirado sobre a teoria do campo de estudos do Mestrado que vai iniciar. No entanto, essa também pode ser uma forma de redirecionar sua carreira e complementar sua graduação com novas matérias, caso você opte por uma área.

            Existem ainda dois tipos de Mestrado: o acadêmico, teórico, aconselhado para quem pretende lecionar, e o profissionalizante, mais prático e voltado para o mercado de trabalho.

         Os cursos de mestrado podem durar até 3 anos e o doutorado até 5 anos. Obviamente que dependendo da dedicação do aluno as matérias e créditos obrigatórios e o desenvolvimento da dissertação/tese estão diretamente relacionados no tempo total necessário.
         Ao contrário do Lato Sensu, os alunos que se formam mestres ou doutores concedem grau e recebem um diploma submetidos à aprovação e reconhecimento do Ministério da Educação.
                                                                             www.emportugalconsultoria.com.br

            

Compartilhe:

×