fbpx

Transferência para Médicos Dentistas

Você está cursando odontologia no Brasil, mas está cada vez mais tentado a mudar para Portugal?  Saiba que é possível transferir seu curso para uma universidade portuguesa.

A transferência internacional entre universidades é uma forma de acesso às universidades portuguesas e brasileiras.

Brasil e Portugal, após o Tratado da Amizade, passaram a desenvolver protocolos que permitem que o estudante inicie seus estudos em um país e termine em outro. Ou seja, um estudante pode fazer transferência para o mesmo curso superior que cursa, ou mesmo pedir transferência para um curso superior diferente daquele que inicialmente se matriculou.

Também o aluno que interrompeu o curso superior em um país, pode pedir o reingresso em curso igual ao que cursava anteriormente. O que conhecemos no Brasil como reingresso.

Deverão ser respeitados os créditos ECTS — European Credit Transfer and Accumulation System (sistema europeu de transferência e acumulação de créditos). Já falamos em outra postagem como isso funciona, busque no blog.

Embora exista uma legislação especifica sobre o assunto, algumas universidades são mais flexíveis e outras mais rígidas na documentação. Abaixo relacionamos a documentação normalmente exigida para a transferência internacional no curso de medicina dentária;

  • Formulário de identificação do curso de origem, Universidade, endereços, contatos, etc. ·
  • Formulário de candidatura.
  • Documentos de identificação do aluno (Passaporte).
  • No âmbito do regime geral de acesso, apresentação de certidão original comprovativa da realização dos exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas específicas de Biologia e Geologia + Física e Química ou Historial de Exames Nacionais de Acesso ao Ensino Superior e / ou Ficha ENES, devidamente autenticados, onde conste a realização das referidas provas e respectiva classificação.
  • Para estudantes titulares de cursos de ensino secundário não portugueses legalmente equivalentes ao ensino secundário português, de acordo com os critérios da Comissão Nacional de Acesso ao Ensino Superior (CNAES).
  • Declaração de que a Instituições estrangeiras em que a formação foi ministrada é reconhecida pelas autoridades competentes do Brasil. · Pré-requisito do Grupo B (comunicação interpessoal).
  • Certidão descritiva das unidades curriculares realizadas na Instituição de Ensino Superior e respetivas classificações finais, regime e ECTS.
  • Certidão de programas e cargas horárias das unidades curriculares realizadas.
  • Plano de estudo com indicação dos ECTS.
          É importante destacar que não basta fazer a candidatura para conseguir a aprovação da transferência. É necessário que o aluno seja melhor colocado entre os demaiss concorrentes às vagas de transferência.
          E quanto custa fazer o curso de medicina dentária em Portugal? A resposta é depende.
          Depende se o curso será realizado em uma universidade pública ou particular, se a universidade considera a CPLP (Comissão de Países de Língua Portuguesa) ou não, etc.
          Mas para que nosso leitor tenha uma referência, informamos os valores da Faculdade de Medicina Dentaria da Universidade do Porto;
Estudante Internacional Regular: 6.000€ (tempo integral) ou 4.138€ (tempo parcial).
Estudante Internacional CPLP: 4.000€ (tempo integral) ou 2.758€ (tempo parcial).
          Lembrando que estes valores são os valores anuais e poderão ser parcelados à critério da Universidade.
          Se ficou interessado em transferir seu curso e gostaria de assessoria, fale conosco, a Em Portugal Consultoria Educacional o processo de transferêenccia internacional do curso de Medicina dentária.  Mais informações no e-mail contato@emportugalconsultoria.com.br.

Compartilhe:

×