fbpx

Reconhecimento de medicina com prazo limite de candidatura!!

Conforme já havíamos adiantado aqui, no Blog da Em Portugal Consultoria, no dia 30 de julho, o reconhecimento de medicina passará a ter prazo de candidatura.

Publicada no Diário da República do último dia 13 de agosto, e em vigor a partir do último dia 16 de agosto, as novas regras são resultado de uma consulta pública aprovada pelas Escolas Médicas.

Com o novo regulamento, ficam definidas datas-limites para os ingressos de processos de reconhecimento de medicina, assim estabelecidas: 

– Apenas poderão aceder à realização do Exame de Reconhecimento Específico do ano, os candidatos que tenham o processo completamente instruído até a data limite de primeiro de setembro do ano corrente;

– As candidaturas recepcionadas após 01 de setembro  ou que não estejam completamente instruídas, serão consideradas para realização do processo do ano seguinte;

– A Prova de Competências em Comunicação Básica será realizada na segunda quinzena de novembro. É bom ressaltar que essa prova não necessita ser feita pelos profissionais com formação em universidades de língua portuguesa;

– O Exame escrito se realizará na primeira quinzena de janeiro;

– A prova Prática se realizará entre os meses de abril e maio;

– O candidato terá, então, o prazo de seis meses para entregar o trabalho final de Mestrado Integrado, a partir da data de aprovação na Prova Prática;

– A discussão do Trabalho Final ocorrerá nas datas definidas pelos júris de cada Escola de Medicina, em um prazo máximo de 2 meses, após a data de entrega do trabalho.

Norma Transitória

Tendo em vista que a legislação foi aprovada dia 13/08/2021, foi estabelecida como regra transitória a data limite da instrução das  candidaturas o dia 01 de outubro. 

As candidaturas que não estiverem completamente instruídas até a data de primeiro de outubro serão consideradas para o ano de 2022.

Reconhecimento de Medicina

Para um médico com formação extracomunitária atuar em Portugal, precisará fazer o reconhecimento do seu curso.

O exercício da Medicina está regulado pelo Estatuto da Ordem dos Médicos Portugueses. Ao cumprir os pré-requisitos estabelecidos nas diretivas europeias, o médico poderá atuar em qualquer um dos 27 países europeus.

O reconhecimento que permite que o médico faça o registro na Ordem dos Médicos é o reconhecimento específico. E que no caso da formação médica passou a ser anual desde a aprovação da lei 66/2018.

Para saber mais sobre o processo de reconhecimento em medicina veja a matéria publicada no site da Em Portugal Consultoria em 

Consultoria

Nós da Em Portugal Consultoria estamos preparados para orientar o processo de reconhecimento e ajudar os médicos no projeto de atuar na Europa.

Para analisar seu caso e orientar sobre como fazer seu reconhecimento e registro na Ordem dos Médicos Portugueses marque uma consultoria conosco. 

VEJA TAMBÉM:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email
×